Top Posts

Throubleshooting: Hibernate & Maven

Continue lendo

Usecash:Você já recebeu balas como troco?

Posted by camilolopes | Posted in Empreendorismo | Posted on 27-08-2014

2

main-logo

Opa Pessoal,

O post de hoje vou falar de um novo Meio de Pagamento através do troco. Isso vai gerar outros posts, sobre empreendorismo, criação de MVP que vem mais na frente e na sequência. Portanto, conheçam o Usecash onde sou um dos fundadores.

Lets go…

Assistam e se divertam:

Coisas que Gostaríamos de Dizer – Bala de Troco 

https://www.youtube.com/watch?v=hbTU7sumJXg

Usecash

A pergunta é:

“Quem aqui já recebeu balas ou chicletes como troco?”

Levanta a mão, por favor. \o/.

Nada legal receber  balas como troco, sendo que você não pode pagar com balas na hora de comprar certo?(Segundo PROCON devolver troco em balas é Crime). É exatamente isso que o Usecash resolve, você agora pode receber seu troco de maneira virtual  informando apenas o CPF.  A seguir explico como vai funcionar.

Como vai funcionar?

É bem simples. Primeiro ponto que você não precisa ter um cadastro no Usecash para receber o troco, ao chegar no estabelecimento que aceita a bandeira Usecash, você fala:

 “olha, passa esse troco ai 0.03 no usecash”.

 Dai informe apenas o CPF e no caso  daqueles que não estão cadastrado terá que informar  o número do celular para receber o código de ativação via SMS. Mesmo sem ter ativado o cadastro você pode continuar recebendo troco, mas guarde o código de ativação enviado. Quando você estiver  em um belo dia com paciência acessa o site www.usecash.com.br   e através do menu “Quero Usar” na página inicial informe o código recebido e conclua seu cadastro em 20 segundos. Mas, se você já tiver cadastro, basta efetuar o login.

Ok. Camilo. Mas, e agora o que posso fazer com o troco acumulado?

Com o troco acumulado você pode fazer o que quiser, uma das opções é poder usar como meio de pagamento no próprio estabelecimento que recebeu o troco ou em qualquer outro que aceita Usecash. Já pensou pagar o pão ou happy hour com aqueles pequenos trocados que você vai perdendo durante a semana?Agora cada centavo faz a diferença. E o melhor de tudo, o pagamento é super simples, apenas informe seu CPF + senha cadastrada. E nada mais.  Levar cartão, carteira pra que?

Outras alternativas de como usar o dinheiro na conta Usecash é:

  •  Realizando doação;
  • Transferência para amigo (está devendo as cervejas da semana passada?);
  • Saque para a conta corrente do seu banco;
  • Os pontos acumulados, você pode vender, fazer compras  em estabelecimentos e em breve na Cash Store (nossa loja virtual com produtos e serviços para regaste dos pontos);

E por essa aqui você não esperava toda vez que você usar como meio de pagamento, vai ganhar pontos. Assim como nos cartões de crédito, a diferença que não somos burocráticos,  uma vez que você pagou a conta com Usecash, já recebe seus pontos e acabou. Pode vender, transferir fazer o que você quiser. Sem restrições nem carência de uso, afinal de contas os pontos são seus, não é?  Pense muito bem, antes de querer usar o cartão de débito, o que vc ganha ao usar? Nada. Cartão de crédito você ganha pontos e prazo, porém regastar esses pontos hoje é uma piada. Tudo bem é mais confortável, pq o dinheiro já está na sua conta e o cartão de crédito já tem o limite. Mas, quanto isso custa pra você? Cada vez que usa o cartão de débito, vc perde pontos no Usecash, que amanhã  poderia vender para seu amigo que vai precisar para uma viagem, pense nisso.

Posso colocar dinheiro na minha conta Usecash? Tomei uma decisão não uso mais cartão de crédito/débito prefiro usecash.

É uma pergunta comum. A respostá é:claro. Você poderá fazer uma recarga em qualquer estabelecimento ou se preferir  na própria plataforma no seu menu tem a opção de adquirir crédito. Feito isso você pode usar como quiser.

Daí você vai dizer. Camilo, vocês estão loucos, todo mundo está indo para o dinheiro de plástico e pq usar dinheiro papel?

Hoje 89% da população segundo o Banco Central em compras de até R$ 50.00 usam o dinheiro. Mas, não é só isso, há outros motivos como:

  • As taxas de cartão de crédito estão cada dia maiores para os estabelecimentos e isso impacta onde? Quem paga o valor da taxa? O estabelecimento? (você não acredita nisso né?);
  • Quando vc é assaltado e levam o cartão, simplesmente maior burocracia todo o processo pra se proteger;
  • Os programas de  pontos do cartão de crédito hoje,  não motivam mais como anos atrás. Cheio de restrições que vc desiste de tentar resgatar;
  • Alguns estabelecimentos chegaram e falaram:

“Com a taxa de 1% posso oferecer melhores preços para os meus clientes. Hoje tenho taxa do cartão + aluguel de máquina etc. A infraestrutura não tão barata como todos pensam.E ainda preciso ter mais de uma máquina”.

Conclusão

Essa é uma das vantagens do Usecash. Recentemente em uma discussão com um usuário ele trouxe:

“Poxa bacana, agora eu não esqueço mais o dinheiro das compras para minha diarista. Eu sempre esqueço, agora crio uma conta Usecash pra ela e transfiro, acabou. Ela vai no supermercado com CPF e senha e faz o pagamento”.

Lembrando que  o único serviço que cobramos taxa é o de 1% sobre o pagamento. Mas,cobramos do estabelecimento. Qualquer outro serviço é grátis (transferência, saque etc).

Aproveitando o espaço estamos buscando instituições sérias para fazer parte no serviço de receber doação. Vamos fazer uma seleção nesse caso, queremos ter instituições que realmente fazem um trabalho bacana adicionando valor na vida das pessoas. Então,se você conhece alguma e queira nos indicar, sinta-se à vontade, basta pedi pra eles acessar o site e mandar um email para a equipe de atendimento.

Ah o lançamento?

Agora em SETEMBRO/2014, se cadastre no mailing e vai ficar sabendo antes de todo mundo.

Facebook: https://www.facebook.com/usecash

Twitter: https://twitter.com/usecashOficial

Abraço, e vou ficando por aqui!!!

Related Posts with Thumbnails

Comments (2)

Acho que vale a pena falar sobre os 3 centavos que faltam no troco. Também acredito que o usecash deve ter seus vantagens, mas não concordo que seja a solução pelo problema de falta de troco. Alias, já faz muuuuuito tempo que alguém me ofereceu balas em lugar dos centavos. Espero que o usecash seja mais atualizado do que o seu exemplo….
Quanto à falta de troco certo, não é necessário recorrer à nenhuma engenhoca. O código do consumidor tem uma regra bem clara: Quando a loja não tem o troco certo, é a loja e não o consumidor quem fica com o prejuizo. Sempre. Só é necessário insistir que o código do consumidor seja respeitado. Sei que não é tarefa fácil. Já mencionei esta regra à alguns operadores de caixa e, pelo olhar que recebi de volta, entendi que a pessoa nunca tinha ouvido falar desse código, e que a loja nunca tinha feito nenhum esforço para que os funcionários tomassem conhecimento desta regra. Um exemplo de hoje: O valor total da compra chegou a R$ 21,68. Eu paguei com uma cedula de R$ 50,00 mas também arrumei moedas no valor de R$ 1,70. A moça colocou como dinheiro recebido R$ 51,68. O terminal calculou o valor do troco come R$ 30,00. Os dois centavos sumiram sem rastro. Problema? Qual é o problema?

É a cultura, e você não vai mudar esta cultura introduzindo uma outra conta para os trocados – especialmente com nome numa língua estrangeira que ninguém sabe pronunciar direito. Para mim, cidadania não significa dar a alguns “isspertos” ou privilegiados uma maneira de recuperar os centavos perdidos. Para mim, cidadania significa que todos consumidores sejam tratados com respeito e honestidade – sem ter que insistir e ter que fornecer cada vez o número do CPF com 11 digitos. E o trabalho não acaba por aí. Como você vai saber se o credito entra de facto em sua conta? Vai fazer anotações durante o dia, e checar toda noite se todos os centavos caíram na conta? E, se alguém não pagou, vai voltar à loja e reclamar? Acho pouco prático. É melhor fazer o código do consumidor valer na hora do pagamento.

A Nova Zelândia tem o mesmo problema – não o da cultura, o do troco: o valor da compra pode sair com qualquer numero de cents, mas a menor moeda em circulação é de cinco cents. O que fizeram? Reprogramaram os terminais de venda. Quando o total sai em um valor que não existe em moeda viva, o valor é automaticamente ajustado para baixo, e pronto. Fácil, não é. Se a Nova Zelândia pode fazer isso para os seus 5 milhões de habitantes, por que o Brasil não pode fazer o mesmo para seus 200 milhões de consumidores?

Peter,

obrigado por comentar. O problema do troco é bem maior do que a gente pode ver em apenas 0.02 centavos. Ha empresas que perdem hoje no brasil 300 mil reais por mês por passar troco a mais pela falta de moeda. Para vc e eu consumidor 0.02 não é nada, mas para uma empresa que tem milhoes de transações no mês, isso impacta e muito. Outras já pagaram multa quando a lei do procon foi aplicada e não foi nada barato. Há todo tipo de consumidor que aceita perder 2 centavos e outros não. E há consumidor que não aceita troco a mais, que exatamente o que é de direito dele. Quanto vc perde por ano a cada 2 centavos que perdeu em cada produto que comprou? Os valores que os estabelecimentos anunciam hoje de 12.99 não é a toa, muitos faturam muito em cima desse 1 centavo que não passa.E o usecash veio pra isso facilitar a vida do consumidor e estabelecimento de maneira simples e prática.
abraco,

Write a comment