Top Posts

Série AngularJS: Dependency Injection

Continue lendo

Como ser um bom programador Java?

Posted by camilolopes | Posted in Carreira TI | Posted on 22-04-2008

25

Você já se fez essa pergunta? Mas será que tem “receita de bolo”?

Hoje resolvi traduzir o texto do Dr. Heinz M. Kabutz. How can I become a good Java Programmer? Como eu posso me tornar um bom programador Java?

Bom pessoal, não possuo inglês fluente, então já diante mão peço desculpas por alguma falha na tradução hehe… procurei não traduzir ao pé da letra o artigo

Esse artigo é para quem está iniciando, para os experientes, enfim para todo programador.

Como ser um bom programador Java?

Está é uma questão interessante, observe a situação que abaixo, demonstrada no artigo do Dr. Heinz.

Situação: um torcedor tem oportunidade de entrevistar o David Beckham

Torcedor: – bom dia, Sr. Beckham, o meu filho gostaria de seguir a carreira como jogador de futebol. Qual o seu conselho?

Beckham: – ele está jogando em alguma liga?

Torcedor: – Oh! Não, ele não está jogando futebol, mas ele freqüentemente, assisti na TV.

Beckham: Qual esporte ele prática então?

Torcedor: Ele prática golfe no computador e nos jogamos xadrez e tênis também.

Beckham: A propósito quantos anos seu filho tem?

Torcedor: 35 anos

Beckham: – Olha seu filho não pratica futebol, ele não pratica na verdade nenhum esporte e tem 35 anos, mas ele quer ser um jogador de futebol profissional. Qual é real razão?

Torcedor: Eu ouvir dizer que jogador de futebol pode ganhar muito dinheiro.

……

Converta o diálogo no nosso mundo de T.I e reflita…

Por onde começar?

Para Heinz iniciar a vida como programador é necessário gostar de matemática e física. Heinz diz que muitos programadores querem ser recompensado pelas coisas que fazem, ele relata que quando iniciou a carreira como programador o seu salário era muito baixo e na época não fazia um curso de ciência da computação, já que não poderia pagar. Porém ele sempre amou a programar e por esse fato não deixou de programar, porém ter um bacharelado em ciência da computação, sistemas de informação e áreas afins ajuda muito e não se esquecer de adicionar a matemática.

Para Heinz ser um excelente programador Java não é difícil, basta apenas seguir os pontos abaixo:

Você precisa: respirar, comer, dormir Java

Vamos supor que você inicia o trabalho das 08h30min e finaliza às 17h. Então o que você faz após esse horário é o que determina o seu futuro de programador. O que você faz das 06h às 08h? E após o trabalho? Você pode programar em Java.

Se você tiver responsabilidade, teremos uma hora e meia de manha e seis horas à noite sendo assim temos sete horas e meia por dia

Se você quer ser um bom programador Java, é preciso ter dedicação e evoluir seu conhecimento, comprar alguns presentes para si mesmo como um livro de O.O, Design Patterns etc.

Se você programa em Java apenas pelo emprego ou pelo salário você nunca será um BOM programador. Um EXCELENTE programador Java tem esses pontos abaixo:

– Programa por prazer e não por dinheiro. Nas horas vagas do dia aprende programar mais em Java

– Nunca para de estudar. Pois você pode ficar obsoleto em pouco tempo

– Não para de ler livros.

Há várias maneiras de ser um excelente programador Java um deles poder se através do emprego ou do seu modo de pensar.

Flw! Pessoal espero que tenham gostado do artigo.

Agora o ponto interessante no artigo que achei foi o exemplo do jogador de futebol, não dar para ser profissional sem praticar ai já é pedir demais heheh! Esse exemplo cai em várias situações da nossa área de T.I uma delas são aquelas pessoas que vai para universidade de ciência da computação, análise de sistemas etc. E acham que assim que pegar o “canudo” vai sair de lá com 1/3 da fortuna do Bill. Será que apenas fazer uma boa ou até melhor faculdade do país garante isso?

Aquele que se encontra nessa situação favor de colocar “os pés no chão” e encarar o mercado como ele é, e não como queríamos que ele fosse.

Um abraço!! E até Sexta! O que acharam do novo layout?

Related Posts with Thumbnails

Comments (25)

Cara, isso é ser o verdadeiro nerd. O cara tem q curtir muito programaçao pra fazer isso. Trabalha o dia inteiro, chega em casa e vai programa. Ta louco. Nos temos q lembrar q ficamos direto na frente do pc. Isso cansa a vista e o cerebro. Fica quebrando cabeça com logica o dia inteiro nao é pra qq um. Eu mesmo nao faço isso q o cara fala, pq nao aguento. Se meus olhos nao cansassem e doessem, eu ate aguentaria estudar java todo dia.

Muito legal o artigo.
Mas eu acho que tudo que foi falado para ser um bom programador Java, serve para qualquer área de TI.
Quem trabalha somente por dinheiro, não tem vez no mercado.
Amar e gostar do que se faz, sempre gera bons e grandes profissionais, porque nunca haverá preguiça da parte dele de aprender novas coisas :-)

Trabalhar por prazer sim!
Mas, o dia inteiro?!?! o_O

Fala Camilo blz? /eu ja tinha visto este post, acho que foi bruno que mandou para o pbjug uma versão em ingles, pelo menos agr ficou mais facil de ler rsssss acho q todos nos queremos mesmo ser bom no que fazemos mas as vezes apesar da boa itenção nao temos a atitude correta. reflitamos pois =)

opa! Fabricio! assim nao lembro perfeitamente aonde eu peguei o artigo, acho que foi no PbJug ou um amigo que me passou o link, mais eu tinha o artigo impresso em casa ai resolvi traduzir. heheh! Concordo com vc, sempre queremos, porem a questao de poder é um pouco longe.. o caminho é longo.. hehe! Eu mesmo concordo em parte com alguns pontos do Heinz hehe! flw!! obrigado por acessar o blog!

É por isso que a sociedade está cada vez mais depressiva. Ao invés de cuidarmos da nossa qualidade de vida, e o tempo para isso seria durante a noite, nos preocupamos em bitolar-mos mais e mais no que fazemos o dia inteiro. Aí, não entendemos porque temos crises de stress, de gastrite, e assim por diante. Sou profissional de TI e já pensei assim um dia, mas agora estou caindo na real que é preciso estudar e trabalhar sim, sempre, mas temos que nos organizarmos para viver bem também. Esse negócio de depois eu vivo, primeiro tenho que ganhar dinheiro, nos deixa escravos do trabalho e estudos sem que percebemos. E geralmente o profissional de informática é que sempre não tem tempo para nada, devido às inúmeras novidades que surgem a todo momento.
Por isso, creio que precisamos fazer do trabalho e estudo ferramentas para atingirmos uma boa qualidade de vida, tomando sempre o cuidado para que estas ferramentas não se tornem o fóco principal de nossas vidas.

Muito bom !! dedicação e força de vontade, é o segredo da vitória sempre.

É como sempre digo: Trabalho pra viver, não vivo pra trabalhar.

A vida é pra viver.

Nunca gostei dos caras que são “…istas” e seguem os “…ismos”…. Fora Javismo, fora Javistas!

O negócio, como bons profissionais, equilibrados e atentos à realidade, é sempre termos a mente aberta para reconsiderarmos as opções mas sem exageros. Java é uma excelente opção, e devemos dominar esta tecnologia de forma geral, e ser muito bons em alguma coisa dela de forma específica. Java é amplo demais para sermos bons em todos os aspectos.

O cara que falou a baboseira de usarmos a hora de descanso para estudar java é louco, ou pelo menos tem a tendência à morte prematura.

Dediquemos nossa vida às pessoas que amamos, e usemos da tecnologia para propiciar bons momentos com elas. As pessoas são mais importantes. E os melhores profissionais, já perceberam, que precisam ser equilibrados.

É claro que sempre haverá “workaholics” e “compulsivos/obssessivos” trabalhando igual loucos para produzir mais e conhecer mais. Mas esses caras, apesar do potencial de trabalho enorme e da inteligência acima da média, morrem cedo. As empresas utilizam deles para produzir mais, mas sabem que eles morrem bem rápido e logo os substituem por outros.

A religião “javista” não é boa conselheira. O melhor é usar do Java, mas não engolido por ele.

Concordo plenamente com o texto acho que a sociedade esqueceu que para ser bom tem que haver sacrificio, estudo, leitura, debate com outras pessoas. Não concordo com a opnião de alguns que postaram acima que a qualidade de vida caida, pois agente se stressa com coisas que não gostamos eu sinto prazer em ler um livro sobre programação depois do expediente isso não me deixa stressado, se a pessoa fica ela deveria repensar sobre o que está fazendo e ver se aquilo é realmente o que quer ,talvez seja voce o filho do reporter.
Os problemas da nossa sociedade atual como stress e depressão não tem haver com o excesso de estudo, se fosse assim Newton, Eistein, Gallileu, Aristoteles entre outros grandes pensadores teriam se matado. :)

Concordo plenamente com o Moisés Bites.

“…istas” ,“…ismos” são , na maioria ( o que não chega a ser uma regra ) das vezes prejudicados por sua visão afunilada de mercado e de tecnologia. Exceções de sucesso, citemos os Mrs. Maddog, Gates e Torvalds .

O esforço citado no artigo é válido, para se aprender qualquer plataforma, linguagem ou qualquer coisa na vida , mas este aprendizado deve graduado, e casado com nossa realidade, deve ser constante e fazer parte de nosso DNA. Mas de uma coisa eu não discordo : SOMENTE NO DICIONÁRIO O SUCESSO VEM ANTES DO TRABALHO !
Uma vez, em discussão sobre tema semelhante com um grupos de especialistas da matriz norte americana da empresa em que trabalho, disse categoricamente : … ” a tecnologia que mais me atrai, é aquela que paga as contas que estão penduradas na minha geladeira ! “, a gargalhada foi geral.

Gostaria de sugerir a todos que lerem este oportuno post, que assistam ao filme ” The pursuit of Happyness ” ou, em tradução livre : ” A procura da Felicidade, com o Will Smith. Tem muita coisa a ver com essa parada do esforço para ser melhor !
( Pára vai ! dá tempo de assistir um filminho.. pode ser no notebook mesmo ! rsr )

Abraço a todos, sucesso… e muita cafeína !

http://www.sonypictures.com/movies/thepursuitofhappyness/site/flash.html

Se seguisse esse artigo com certeza seria um exelente programador java, mas em contra partida seria um ser humano bitolado, daqueles chato pra cacete que nao tem outro assunto a nao ser programaçao e computadores. Gosto muito de programar, mas viver bitolado em uma coisa so nao é saudevel pra ninguem!

É a perfeita diferença entre o estudante entusiasmado e o estudante que descobriu que ama a profissão.
PS: Profissionais de TI sempre serão estudantes ou deixarão de ser profissionais de TI para ser apenas ex. rs

Eduardo, eu não me acho chato, rs, minha mãe diz que eu sou legal, rs, estou começando a fazer o que diz esse artigo, ainda pratico Jiu-Jitsu, e ainda saio com a esposa pra passear com os cachorros, vou a igreja etc.
Detalhe: Moro no interior, tudo perto rs, mas tenho que sempre racionalizar ao máximo meu tempo.

eu gostaria de aprender a programar em java….
peguei um livro emprestado hoje…
alguém pode me ajudar.. tipo que tipo de programa eu coloco no meu computador pra começer…. tipo se for actionScript vou usar flash….
e o java alguem tem um link pra baixar um programa assim… ou é no bloco de notas????
desculpe a falta de conhecimento na area de minha parte.

opa! Obrigado por acessar o blog!!
Recent post tem todos os topicos do post.. dar uma olhada em todos e veja que tem alguns que ajuda bastante que está iniciando!!

obs.: sempre que postar coloca o nome
flw!

O autor do artigo traduzido é louco, bitolado, maníaco, robô, não vive, cara louco e sem noção!

Nem a pau que vou deixar de me divertir com meus amigos, paquerar as garotas, sair para beber, comer, assistir um cinema, ler um livro diferente, acompanhar o meu Bugrão, jogar video-game, ficar até altas horas jogando conversa fora com as pessoas de quem gosto, tirar uma soneca gostosa, ficar uma hora inteira olhando para a paisagem e pensando na vida, ficar simplesmente ouvindo uma boa música, ir pra uma festa legal, etc, PRA FICAR PROGRAMANDO EM JAVA DEPOIS DO EXPEDIENTE!

Eu quero qualidade de vida, eu quero vida, quero me relacionar com as pessoas, quero diversificar os conhecimentos, esse cara é um louco sinceramente fiquei até indignado!

Ainda bem que daqui a 10 minutos estarei indo ao shopping, vou encontrar com um amigo pra jogar conversa fora, comprar um presente bem legal pra uma amiga minha, e procurar uma máscara pra uma festa sabadão! 😀

E nada de Java! auhauhauhauhauh!

Abraços!

[…] Como ser um bom programador Java? […]

poxa seguir a area de informática mas não sei nem por onde começar.me ajudem.abraço..douglasjuanmarinho@bol.com.br

Tulio Rodrigues, me diz como essas pessoas morreram?

isso nao revelado :)

Kra curti muito u conselho vou mim aperfeiçoar + ii tentar ser um bom programador…..
valew pelo u encentivo…
xau

Olá pessoal, estou iniciando em java lá pelo system.out.println rsrsrs, gostei do texto sabemos que precisamos de dedicação, não excessiva logico, mais sem Dedicação ninguem vai a lugar algum então Galera vamos por a mão na massa eu já segui algumas discas do artigo por exemplo comprei o livro JAVA COMO PROGRAMAR? DE DEITEL um livro excelente começo estudar ele apartir de segunda então um forte abraço bons estudos

Olá,

Sou recrutadora de uma multinacional na área de consultoria.
Gostaria de saber se posso divulgar minhas vagas no seu blog.

Grata

ola leticia,
pode sim. Envia as vagas para o meu e-mail que formato elas para o layout do blog e publico. camilosi (at) hotmail dot com

Write a comment